sexta-feira, 30 de agosto de 2013

CRIME BÁRBARO COM TAXISTA DE PADRE PARAÍSO.


Gilvan Luiz Rodrigues.
No dia 27/08/2013, por volta das 07:h30min, na cidade  de Padre Paraíso, o Sr. José Geraldo Souza Santos, comunicou à Polícia Militar daquela cidade o desaparecimento do Sr. Milton Vieira Lopes, taxista, 43 anos, foi visto pela última vez no dia 26/08/2013, por volta das 18:h30min, na cidade de Padre  Paraíso, ocasião em que conduzia o veículo  FIAT UNO, COR CINZA, placa HFJ-0741, quando foi solicitado por quatro indivíduos para realizar uma corrida de taxi até a cidade de Ponto dos Volantes,  e até o registro da ocorrência de número 1051/13, Milton não havia sido localizado. Diante as circunstâncias a Polícia Militar de Padre Paraíso, iniciou rastreamentos e levantamentos ininterruptos, bem como comunicou ás cidades circunvizinhas, principalmente as cidades de Ponto dos Volantes e Itaobim, iniciando desta forma ação conjunta em todas as cidades envolvendo equipes de policiais Militares e Civis, que passaram a realizar  levantamentos e informações que pudessem contribuir na elucidação do desaparecimento de Milton Vieira Lopes. A Polícia Militar de Itaobim 27/08/13, por volta das 10:h26min, recebeu  informação de que um veículo FIAT UNO, COR CINZA, estava caído em um mata-burro,  na comunidade  FOGUETEIROS, sendo que quatro indivíduos não identificados havia abandonado o veículo no local. Após verificação, foi constatado que o veiculo pertencia a Milton Lopes, cidadão desaparecido. Em Padre Paraíso os militares do Serviço de Inteligência conseguiram imagens que mostravam os indivíduos embarcando no veículo da vitima. Uma vez  identificados, constatou-se que todos eram da cidade de Pontos dos Volantes, sendo eles Wagner  Kaik dos Santos 20 anos; (esta foragido), Gilvan Luiz rodrigues, 21 anos; R.F.A, 15 anos; R.L.S, 16 anos; K.R.N, 17 anos. Após  indagados pela Polícia, um dos menores confessou espontaneamente o crime de latrocínio contra o taxista, que segundo ele foi assassinado com tiro, paulada, queimado e enterrado a três quilômetros da residência dos envolvidos.  R.F.A, relator também que subtraíram da vitima a quantia de R$ 600,00 (Seiscentos reais em dinheiro), dizendo ainda que a vitima ainda ofereceu ao menor  K.R, a quantia de R$ 50.000,00 ( cinquenta mil reais), para que não fosse morto. Com relação a Wagner Kaik, rastreamentos continuam sendo feitos com a finalidade de localiza-lo. Segundo algumas informações, ele evadiu-se para a cidade de Divisa Alegre - MG. O fato ocorrido causou grande comoção social em Padre Paraíso, Ponto dos Volantes e Itaobim.

4 comentários:

  1. coloca a foto do foragido ai quermos ver a cara dele.

    ResponderExcluir
  2. Cometem uma crueldade sem tamanho, depois de julgados, pegarão, no máximo 30 anos de prisão.(só os com maioridade). E ""as crianças"", ao completarem 18 anos, ficaram com ficha mais limpa que a Madre Tereza.
    A polícia desse o cacete, e depois vem o pessoal dos Direitos Humanos "??" e blá blá blá blá, a mesma ladainha de sempre. Será que lembraram dos direitos humanos ao assassinar um homem trabalhador, que levava uma vida honestamente para sustentar sua família? (Não precisa de resposta). Sou contra todo tipo de violência, mas em alguns casos, sou obrigado a deixar de lado os princípios cristãos. Ore para que Deus abrande ainda mais o meu coração. Sou uma pessoa que chora com o filme "Irmão urso", e, mesmo assim me considero com o coração duro. Mas isso é devido às agressões externas que ele, o coração, vem sofrendo ao longo da vida.
    Sem nenhuma conclusão de manual de técnicas de redação. Não cabe neste caso.
    Como diz o ditado popular, "Quem com o ferro fere, com o ferro será ferido".

    ResponderExcluir
  3. O o outro meliante foi preso em Divisa Alegre.

    ResponderExcluir
  4. CADE A FOTO DELE CABO ADILSON PRA NOS PRECAVER DESSE MONTRO

    ResponderExcluir