sábado, 12 de julho de 2014

ROUBO A MÃO ARMADA EM PADRE PARAÍSO.

BO NÚMERO 893/2014 POLÍCIA MILITAR


VITIMA: VALDECY RIBEIRO DOS SANTOS, 41 anos, comerciante, casada, residente em Padre Paraíso-MG
AUTOR: M.S.C, 15 anos, residente em Padre Paraíso - MG
AUTOR: G.G.O.14 anos, residente em Padre Paraíso-MG
AUTOR: J.K.P.C., 13 anos, residente em Padre Paraíso-MG

Em 12-07-2014 por volta das 13h30min a guarnição PM, composta pelo 1º Ten PM SANDRO, 3º Sgt PM ALDRIN, 3º Sgt PM SILVIO, SD PM FABIO, fora solicitada  pela Sra Valdecy Ribeiro dos Rantos, e relatou os seguintes fatos, que transitava pela rua Santa Catarina, que fica atrás de uma fábrica de blocos, momento em que fora abordada por 02 (dois) indivíduos, sendo um trajando camisa verde e de cabelo com mexas loiras e outro trajando camisa vermelha, e que o de camisa vermelha com um revolver em punho, anunciou um assalto e subtraiu a quantia de R$20,00, em seguida os autores tomaram rumo desconhecido, diante de tais alegações, a guarnição saiu a campo, no intuito de localizar os autores, sendo esses localizados por volta das 16h30min. a vitima reconheceu os autores, que informara que a arma usada no assalto, seria do menor  " M", ainda com" M" fora encontrada uma bucha de um material semelhante a maconha e a quantia de R$5,00, segundo os autores "G" e "J K", o menor "M", seria o mandante e o proprietário da arma usada no assalto um revolver calibre 22 com 05(cinco) munições intactas, ao ser questionado sob os fatos, "M" alegou que apenas emprestou a arma para os menores,  à avó de "M", apos saber da apreensão do neto, avisou a guarnição que ele ainda possuía uma espingarda tipo polveira, e que a guarnição pudesse entrar na residência e pegar a espingarda que ficava no quarto de "M". Aos menores fora dada voz de apreensão em flagrante pelos fatos descritos acima, ambos foram encaminhados ao hospital nossa senhora mãe da igreja e atendidos pela medica plantonista, Dra Heloisa Sara S. Lima, a ocorrência fora acompanhada pela conselheira tutelar, Vera Tavares Jardim,  todos os envolvidos, foram encaminhados a depol de pedra azul para demais providencias.